Comunidades quilombolas do Vale do Ribeira/Paraná participam de Seminário no Alto Ribeira organizado pelo MOAB e EAACONE.

04/09/2014 14:51

No dia 30 de agosto de 2014, aconteceu o Seminário com as Comunidades quilombolas do  Vale do Ribeira, lado Paraná. O Seminário foi organizado pela EAACONE – Equipe de Articulação e Assessoria às Comunidades Negras - Vale do Ribeira e pelo MOAB  - Movimento dos Ameaçados por Barragens, realizado na comunidade quilombola de João Surá, município de Adrianópolis/PR.

O evento teve como objetivo de fazer um levantamento das demandas organizativas das comunidades quilombolas e traçar estratégias de luta contra os projetos de construção de barragens no rio Ribeira e fortalecer a organização dessas comunidades na lutar pela regularização fundiária e por políticas públicas que venham melhorar as condições de vida dos quilombolas da região.

Participaram do Seminário as comunidades quilombolas de: Bairro dos Roque, Córrego dos Franco,  Descampado, Estreitinho, Indaiatuba, João Surá, Mamonas, Porto Velho (PR), Porto Velho (SP), Sete Barras, São João e São Pedro (SP).

As comunidades estavam animadas com a realização do seminário. O dia foi muito proveitoso do ponto de vista da produção de estratégias de organização e luta pelos direitos das comunidades quilombolas.

“Estamos muito contentes em poder ajudar os quilombolas do Paraná, vejo que o futuro para eles será promissor, pois a organização favorece a união e trás muitas conquistas para o povo que, hoje, se encontra abandonado pelo poder público.

O governo trás vários projetos de morte ao povo, com isso, sempre os mantém à margem da miséria, porém esse quadro retroagirá ao avanço da luta social. “Estamos lutando há mais de 25 anos contra os projetos de barragens no Ribeira de Iguape e contra todo o tipo de injustiça que assola nosso povo, deixo claro que, não iremos descansar enquanto estes projetos não forem definitivamente extinguidos”. Disse Ewerton Libório, um dos coordenadores do MOAB.

TERRA SIM! BARRAGEM NÃO!

Coordenação EAACONE.