FORMAÇÃO: MILITÂNCIA JOVEM - BARRA DO TURVO/SP 20/10/2012

22/10/2012 15:20


FORMAÇÃO: MILITÂNCIA JOVEM - BARRA DO TURVO/SP

20/10/2012

Aconteceu o 2º módulo do Encontro de Formação Militância para Jovem da Barra do Turvo, organizada pela EAACONE – Equipe de Articulação e Assessoria às Comunidades Negras do Vale do Ribeira/ SP. 

Apoio: Irmãs Pastorinhas São Paulo/SP. 

Participaram deste encontro, jovens na faixa etária entre 12 a 30 anos. O encontro teve como objetivo, despertar o interesse do jovem para o compromisso social. Foram trazidas informações permitindo aos participantes ter uma visão do sistema político onde estão inseridos, podendo assim fazer a análise das diferenças sociais que ocorrem dentro do sistema capitalista.

Os jovens foram confrontados com as desigualdades sociais onde 75% da população mundial vive abaixo da linha da pobreza, e, que para manter estes 25% de riqueza da burguesia, muitas pessoas passam fome e vive na extrema miséria. Com uma breve apresentação da linha do tempo tendo como ponto de vista as formas de dominação, os jovens aprenderam que em toda a história da humanidade houve essas diferenças sociais onde havia o dominador e o  dominado.

O encontro teve vários momentos com dinâmicas, trabalho em grupo, onde perceberam que sozinhos não conseguem desenvolver um trabalho  que faça diferença.

O dia foi marcado por muitas curiosidades e perguntas. O encontro encerrou com os jovens bastante animados, esperando a próxima etapa.

 

E um fato novo se viu
Que a todos admirava:
O que o operário dizia
Outro operário escutava.

E foi assim que o operário
Do edifício em construção
Que sempre dizia sim
Começou a dizer não.
E aprendeu a notar coisas
A que não dava atenção:

Notou que sua marmita
Era o prato do patrão
Que sua cerveja preta
Era o uísque do patrão
Que seu macacão de zuarte
Era o terno do patrão
Que o casebre onde morava
Era a mansão do patrão
Que seus dois pés andarilhos
Eram as rodas do patrão
Que a dureza do seu dia
Era a noite do patrão
Que sua imensa fadiga
Era amiga do patrão.

E o operário disse: Não!
E o operário fez-se forte
Na sua resolução.

(Operário em Construção - Vinicius de Morais)

Ton

toni_libororio@eaacone.org

eaacone@eaacone.org

www.eaacone.org

Fotos: Ewerton Libório e Angela Biagioni